domingo, 7 de dezembro de 2008

Miles Away


Hoje (07 de dezembro de 2008), Marina (Lima) deu as caras no blog do seu site oficial com uma postagem muito interessante que, acredito eu, é o que grita na cabecinha de muitos de nós... porque algumas pessoas só amam, sentem falta e dão valor... à distância? Será que é tão difícil amar enquanto perto? Gostar, dar valor enquanto ainda temos algo perto de nós? Num relacionamento onde há uma paixão intensa, há realmente amor? Ou vice e versa, num relacionamento com amor, será que há uma paixão intensa? Essas duas coisas precisam coincidir para ser realmente bom?! Fica a pergunta e fica também o post da Marina como um exemplo a todos nós, com direito até à citação de "Miles Away" da Madonna que, aliás, chega ao Brasil semana que vem para aquecer nossos coraçõezinhos...

Fala Marina:

Miles Away

Vcs já tiveram uma relação em que o outro só lhe valoriza ou trata bem quando está distante? Tem gente que “ama” assim — de perto lhe testa, machuca e fecha a guarda. Só se entrega quando não tem mais jeito — ou quando se encontra milhas distante.

Essa letra da Madonna fala disso. Meu deu vontade de postar aqui, lembrando que na semana que vem ela chega, para alegrar os nossos corações…

C’mon Baby, yeah!

Miles Away

I just woke up from a fuzzy dream
And I never want to see
the things that I have seen
I looked in the mirror and I saw your face
You looked back through me,
you were miles away.
All my dreams, they fade away
Ill never be the same
If you could see me the way you see yourself
And pretend to be someone else

You always love me more
Miles away
I hear it in your voice when were
Miles away
Youre not afraid to tell me
Miles away
I guess were at our best when were
Miles away

So far away
———————————————————————–
Porque algumas pessoas só amam assim?
Me digam.
beijo.
Marina

2 comentários:

Jorcemara disse...

Realmente esse post da Mina foi sensacional...é preciso repensar as condições que as vezes deixamos que existam em todas as areas relacionamentais das nossas vidas...Chega de Vender razão e guardar emoção...as vezes é preciso nos reinventar, não só pelo outro mas primweiro por nós mesmos...

Jorcemara disse...

Ops...corrigindo palavras...

Mina ~>marina

primweiro ~>primeiro

bjinhos